Início Login Geo-Systems Cad Studio Autodesk
News
Adoção Crescente do BIM nos Países Desenvolvidos Um grande número de governos nacionais em todo o mundo tem obrigado ou tem a intenção de obrigar o uso do BIM em seus projetos e obras. Veremos a seguir alguns exemplos.

Estados Unidos

Em 2003 nos Estados Unidos a General Services Administration (GSA) através do seu serviço de edifícios públicos criou o programa nacional denominado 3D-4D-BIM Program. Em 2006 a GSA decretou que os novos edifício públicos projetados deveriam utilizar o BIM na fase de projetos.

Ao mesmo tempo a GSA fez um inventário BIM da utilização de 31.772.841m² dos espaços de escritórios públicos.

Segundo o SmartMarket Report de 2012 a utilização do BIM nos Estados Unidos saltou de 40% em 2009 para 71% em 2012.

 

Singapura

Singapura implementou o Sistema de aprovação de projetos mais rápido do mundo. O sistema foi implementado em 2008 pela Construction Authority (BCA). Os projetista somente precisam submeter os Projetos para aprovação através de um portal eletrônico em um modelo que contenha as informações necessárias para a aprovação. Em 2011 foram incluídos também os projetos de Instalações Hidráulicas, Elétricas e Ar Condicionado. Até o momento mais de 200 projetos tiveram suas aprovações feitas pelo sistema eletrônico.

O prazo atual de aprovação é de 26 dias e a meta para 2015 é reduzir esse prazo para 10 dias. O objetivo do BCA é obter 80% dos projetos em BIM até 2015.

 

 Reino Unido

 

 

O objetivo primordial da iniciativa do Governo no setor da construção é reduzir o custo dos projetos de construção do governo em 20% e reduzir a intensidade da emissão de carbono do Reino Unido, de acordo com seus compromissos de carbono da União Européia.

Para atingir sua meta o Governo do Reino Unido tem realizado várias iniciativas uma das quais é um compromisso para o BIM em projetos do governo ao longo de um período de 5 anos, e exigindo BIM Nível 2 (modelagem e interoperabilidade ) até 2016.

O objetivo é incentivar a indústria a participar neste esforço, e para posicionar o Reino Unido para se tornar um líder mundial em BIM.

O foco inicial está na parte de projeto / construção do ciclo de vida, mas o governo disse que “a poupança de 20% refere-se à redução de custos de capital.

 

Noruega

Na Noruega a empresa estatal Statsbygg decidiu a utilização do BIM para todo o ciclo de vida dos seus edifícios. Atualmente todos os projetos da Statsbygg utilizam o format IFC /IFD no Desenvolvimento de seus projetos.

 

Dinamarca

A empresa estatal the Palaces & Properties Agency, e o Defense Construction Service exigem o BIM em todos os seus Projetos.

 

Finlandia

A estatal Finlandesa Senate Properties, obriga o uso do BIM em seus Projetos desde 2007.

 

Hong Kong

A Hong Kong Housing Authority irá exigir que todos os novos Projetos utilizem o BIM a partir de 2014.

 

Coréia do Sul

O Public Procurement Service obrigará o uso compulsório do BIM a partir de 2016 para projetos superiores a 50 milhões de dólares (setor privado) e para todos os edifício públicos.

 

Holanda

Em 2012 o Dutch Ministry of the Interior (RGD) obriga o uso do BIM para uso na manutenção de projetos grandes.

 

Fonte: www.coordenar.com.br

Pro-Systems Informática Ltda © 2018 | Todos os direitos reservados