Início Login Geo-Systems Cad Studio Autodesk
News
Fechado em Cingapura, Contrato de Planejamento para Próximos 50 Anos

Em Cingapura, Agnelo Queiroz assinou contrato de US$ 4,25 milhões com a empresa Jurong Consulants. A empresa fará o planejamento estratégico do Distrito Federal para os próximos 50 anos. Os técnicos da empresa desembarcam em Brasília na próxima semana. Durante 24 meses, eles levantarão as características topográficas, sociais e econômicas do DF.

A previsão é de que o planejamento estratégico esteja pronto em abril de 2014. A empresa já realizou 1,7 mil projetos semelhantes pelo mundo. No Brasil, a Jurong Consulants elaborou o corredor entre Belo Horizonte e o aeroporto de Confins.

Agnelo também firmou uma parceria com o governo de Cingapura. Gestores públicos brasilienses serão treinados gratuitamente no país parceiro. Inicialmente, uma equipe de 20 servidores do GDF será recrutada para viajar à Asia e receber cursos de gestão e planejamento. Em julho deste ano, o governador viajou com uma delegação pelos Emirados Árabes Unidos, China, Alemanha, Itália e Cingapura. O objetivo era divulgar o Distrito Federal e firmar acordos e parcerias.

"Hoje é um dia histórico. Estamos pensando o futuro da nossa cidade, preparando o caminho para que ela se torne uma das cinco melhores do mundo para se viver", disse o governador.

A assinatura do contrato entre o GDF e a Jurong Consultants ocorreu na abertura do Latsia 2012, fórum anual de negócios envolvendo América Latina e Ásia. Outras três delegações brasileiras estavam presentes no evento - os governos de Minas Gerais e Rio de Janeiro e uma comitiva do Ministério da Defesa.

No início de setembro, uma equipe precursora da Jurong esteve em Brasília, sobrevoou a cidade e recebeu as primeiras informações a respeito das ações do governo. "Vários dos nossos problemas, da segurança aos transportes, derivam do fato de a riqueza estar concentrada territorialmente no Plano Piloto e na região dos lagos. Precisamos distribuí-la por todas as áreas do Distrito Federal", explicou Agnelo.

Para tanto, o planejamento estratégico criará uma espinha dorsal que integrará quatro grandes eixos: a cidade-aeroportuária, inicialmente programada para ser instalada nas proximidades de Planaltina; o polo logístico, entre Samambaia e o Recanto das Emas; o centro financeiro internacional, próximo a São Sebastião; e a ampliação do Polo JK, em Santa Maria, saída para Luziânia.

A Cidade Digital, na região do Torto, não entrou na lista porque já está em processo mais avançado de realização - mas será considerada como corredor de desenvolvimento no projeto final.

Em cada um desses locais será planejado um conceito de bairro-parque, em que as pessoas moram, trabalham, estudam e, sobretudo, se divertem. Tudo construído segundo ideias arquitetônicas próprias. A delegação do DF teve a chance de conhecer in loco aquilo do que se está falando, ao visitar, na última segunda-feira, o complexo One North Park, conjunto de quatro grandes bairros planejados pela Jurong em Cingapura.
FONTE: http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/cidades/2012/10/04/interna_cidadesdf,325951/agnelo-fecha-em-cingapura-contrato-de-planejamento-para-proximos-50-anos.shtml
Pro-Systems Informática Ltda © 2018 | Todos os direitos reservados